A indignação, a surpresa e a inépcia do Sr Lula da Silva

Caros amigos.

Segundo texto de Vagner Magalhães, no site Terra.com, Luiz Inácio Lula da Silva, o falastrão que fala o que não sabe como se mestre fosse, adicionou mais um lote à sua extensa bagagem de asneiras.

Manifestou seu lado totalitário ao advogar por um sistema internacionalista de governo, capaz de disciplinar e controlar os interesses dos estados “soberanos”. Obviamente, segundo pode-se deduzir, este “sistema de governança” deverá ser sediado e controlado desde Havana, a capital do mundo, caso venha a se concretizar mais esta tese paradisíaca!

O demagogo das massas acrescenta ares de indignação e surpresa à sua inépcia para assuntos internacionais pela “descoberta” do monitoramento americano sobre as comunicações do mundo, aí incluído, com muita razão, a maior potência sul-americana, hoje governada por pessoas que se sentem constrangidas para definir o que sejam ações terroristas.

Demonstra o boquirroto, mais uma vez, juntamente com a súcia que o tem como líder, seu despreparo para lidar com a verdadeira natureza do homem e com a realidade do mundo de hoje e de sempre. Foi surpreendido pela espionagem como se ela fosse a coisa mais inédita da história da humanidade!

Demonstra, também, a irresponsabilidade da administração petista em relação ao sigilo e à proteção dos interesses nacionais em todos os campos do poder, reflexo do império de corrupção que a libertinagem e a impunidade implantaram no Brasil.

Seu pasmo comprova o amadorismo que se instalou no sistema de inteligência nacional desde a chegada ao poder da esquerda, derrotada pela competência desse mesmo sistema, no tempo em que o interesse da Nação estava acima dos interesses partidários e individuais.

Lula deixa evidente a sua versão totalitária de democracia quando diz que, nas demonstrações das ruas, todas as faixas que lá estiveram já foram carregadas pela Comandanta Dilma, quando o mundo todo sabe que, na realidade, o que ela fez foi empregar táticas de violência terrorista para implantar no Brasil uma ditadura sanguinária, total e castradora como a que, há meio século, escraviza o povo cubano!

Diz o texto também que o ex-chanceler, Antônio Patriota, reagiu com “preocupação” ao caso da espionagem. Ora, preocupação não produz nenhum efeito ou, como dizemos nós, militares, “não é ação tática”! O Sr chanceler, no exercício de sua função e do alto do seu conhecimento da realidade das relações internacionais, deveria ter tido a coragem de contar esta realidade à Comandanta  e de sugerir-lhe, mesmo que em tese e com o risco de levar um “rapa”, a tomada de medidas efetivas  para proteção do conhecimento e das comunicações de interesse estratégico do poder nacional!

Estas medidas, que abrangem atitudes, comportamentos e procedimentos, estão aí, à disposição da “educação das autoridades”, assim como os equipamentos e os sistemas. Bastaria ter tido, ao invés da “preocupação”, a “iniciativa” tê-los pesquisado, buscado e sugerido em momento cuja oportunidade já passou há muito tempo!

A primariedade das declarações do Sr Lula da Silva e das atitudes das pessoas que em torno dele gravitam põe a nu e comprova a incapacidade e o despreparo dessa gente para assumir as responsabilidades que lhes foram ingenuamente confiadas por uma parcela do povo brasileiro, parcela esta composta por ignorantes, oportunistas, espertalhões e inocentes úteis a serviço da demagogia, da corrupção e da irresponsabilidade, entre outros vícios da natureza humana!

PChagas

Anúncios
Esse post foi publicado em Atualidades. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s