Venceu a mentira!

Caros amigos

O PT ainda está no poder, contrariando o que sugeriu, sob o aplauso dos bons, o candidato Aécio Neves no último debate!

Confesso, sem constrangimento, que me emocionei duas vezes no último domingo. A primeira, por orgulho, quando, às oito horas e dez minutos da manhã, cumpri meu dever para com o futuro da minha Pátria e a segunda, por tristeza, quando foi proclamado o fim da liberdade no Brasil!

Lembrei-me que, há 50 anos, a força das armas salvou o regime que permite aos brasileiros, hoje, pela força pacífica e moral das urnas, escolher, mesmo que equivocadamente, o que desejam para si e para o Brasil.

Deus é grande e brasileiro, mas não nos empresta a bengala da Sua sabedoria. Sem ela, a Nação mais uma vez disse “sim” à ousadia e à ambição dos que a fazem cada vez mais depauperada, desmoralizada, improdutiva, empobrecida, insegura, doente e subjugada à custa de esmolas!

Pelo caminho da mentira, do controle das mentes e da corrupção, uma “pequena maioria” deixou-se manipular e mostrou que a sensatez ainda não é virtude de consenso entre o povo brasileiro e nos entregou à ameaça de um regime de coerção que, sob o manto falso da igualdade, premia a incompetência, tolhe as iniciativas, desvaloriza o mérito, distribui a miséria, recompensa o crime e reprime todas as liberdades, inclusive a de pensar!

Embora o caos tenha revelado o engodo, não conseguimos reunir efetivo para tirar Dilma e o PT do poder, sabendo que, de toda forma, jamais entregariam pacífica e honestamente os postos e os privilégios que os têm feito viver ou ansiar por viver a vida burguesa que dizem “odiar”!

Seria natural, no entanto, que a sociedade brasileira já tivesse enxergado o erro que cometeu ao dar crédito à proposta socialista do PT. Como isto ainda não aconteceu, devemos manter-nos mobilizados enquanto não conseguirmos mostrar aos incautos aquilo que os sensatos há muito enxergaram!

A reeleição de Dilma Rousseff é o marco inicial de novos tempos, seguramente os mais difíceis da história deste País, que exigirão muito mais trabalho, sacrifícios, vigilância, cautela e determinação daqueles que produzem e sustentam a “pequena maioria” que a manteve no cargo.

As mazelas, os malfeitos e os interesses do Partido dos Trabalhadores e do Foro de São Paulo ainda assombrarão o Brasil por muito tempo, talvez mais tempo do que podemos imaginar e aceitar.

Uma nova fase da luta pela recuperação do Brasil, pela preservação e pelo fortalecimento da democracia tem início agora, porque nós, efetivamente, já sabemos do que eles são capazes!

Que Deus continue a iluminar o nosso caminho!

Gen Bda Paulo Chagas

= Nenhuma ditadura serve para o Brasil – Grupo Ternuma =

Anúncios
Esse post foi publicado em Atualidades. Bookmark o link permanente.

11 respostas para Venceu a mentira!

  1. Maria de Lourdes Flintz Marques disse:

    Sim General, a luta continua!

  2. Enio Lacerda disse:

    De fato, General. Venceu a mentira. Por ela a opção pela esmola dos “bolsa famílias” (aqui no Amazonas temos o Bolsa Floresta, do mancomunado Senador Eduardo Braga, que o amazonense apeou do sonho de voltar ao governo do estado) trará muitas agruras aos que contiuarão (cada vez mais) dependentes dos “eprogramas sociais”.
    Mas temos pela frente a “reforma do ensino público”, caminho pelo qual o PT levará ao convencimento dos nossos jovens, implantando em suas mentes os conceitos das comunas, em detrimento dos valores democráticos próprios de nações livres. Foi assim na China de Mao Tse Tung, na União Soviética de Stálin, na Cuba dos Castro, na Venezuela de Chaves.
    Lembro-me de um confronto com um professor de História que, entre outras asneiras, defendia a construção do porto emCuba, argumentando que será bom para o país. Perguntei-lhe, então, que jornal ele lia ou ouvia, ou mesmo se lia “pamfletos ideológicos”. Esta tem sido minha temeridade em primeira instância, pois, plantadas as ideologias socialistas/comunistas na cabeça dos nossos jovens, a primeira vítima será a família que a Democracia sutentou neste País.
    Outro ponto que me alenta e a possibilidade, face à comprovação da cumplicidade da Dilma e do Lula nos escândalos da Petrobras e outros, de que ela seja apeada do poder dentro de mais um ano. Preocupa-me, neste caso, a composição do STF, nos termos de suas colocações em artigo anterior. Mantida a independência da Polícia Federal e do Ministério Público, isto está por acontecer. Devemos, pois, encoraja-los a seguir com seu dever constitucional de proteger a Nação desses inimigos.
    “Brasil, acima de tudo”!

  3. Andre Silva disse:

    Prezado general:
    Concordo com tudo que o sr. falou. O problema é: Aonde esta o limite? A partir de que ponto as pessoas de bem dirão “Chega, daqui não passarão!”. Porque legalidade é ótimo, mas quando é pra todo mundo…

  4. Cláudio Fagundes disse:

    Caro Gen Paulo Chagas,
    é necessário que essa palavra de persistência seja ecoada aos ouvidos dos esperançosos que por hora ainda se debatem com a frustração e o espanto. Eu mesmo confesso que é um tremendo esforço incentivar os meus interlocutores mais próximos, com quem tenho a liberdade de falar mais abertamente sobre os detalhes sórdidos do plano de poder do PT e aliados.

    Mas, apesar da frustração, tento manter o foco nessa chama que se acendeu durante a campanha. Parece que mais gente do que era esperado aceitou mostrar a cara e a indignação com o rumo absurdo da nossa nau. Capitaneados pelo Aécio, resolveram dizer um não contundente ao PT. Considerando que uma parte da outra metade disse sim por alienação, ignorância ou preguiça de pensar, e não por convicção, podemos dizer que nasce uma esperança.

    Talvez agora, conhecendo essa força de reação, ainda difusa e lenta, mas real, a resistência comesse a se enxergar como tal e mobilizar desde já as mentes e corações, pois o PT já entendeu o recado e deve acelerar seu plano macabro. Mas, para haver mobilização é necessário que a oposição, daqui pra frente, aproveite o passo dado e exerça uma forte liderança dessa resistência. O tempo é curto, ou o PT tentará seu bote definitivo, aproveitando o desejo popular pela enganosa reforma política ou se afundará no mar de lama que criou. Para que haja reação nos dois casos, nossa esperança é que essa oposição vigorosa demonstrada nas urnas repercuta no congresso e nos tribunais do país.

    Um grande abraço,
    Cláudio

  5. Jovanio Schlickmann Junior disse:

    Caro General, infelizmente perdemos mais uma batalha no dia 26 de outubro de 2014. Isso serviu para mostrar que tirar o Partido dos Trabalhadores do poder democraticente é difícil se não impossível ! Depois do fato ocorrido a outra “metade” da população começou a se mobilizar. Pedidos de impeachment e intervenção das FFAA cresceram consideravelmente,chegando a repercutir na mídia.Como o Sr acha que as FFAA receberão essas reivindicações ?

    Abraço
    Jovanio

    • Caro Jovanio, pensar que não podemos tirá-los do poder é o mesmo que aderir a eles. Nós PODEMOS e DEVEMOS tirá-los do poder!
      Para isto é fundamental que não nos entreguemos antes de lutar. O pessimismo não é instrumento para este combate!
      Apenas isto!
      Abraço
      PChags

  6. Vicente de Paulo Abreu disse:

    Caro Gen. Paulo Chagas, confesso que me sinto confortado ao descobrir seu blog e ler seus artigos. Sou pai de família, cristão e não quero que meu filho viva num país comunista bolivariano. Cheguei a cogitar, mesmo sem o poder ainda, sair do Brasil, pois, o golpe comunista está em curso, seguindo a cartilha de Antonio Gramish: aparelhamento do Estado, da justiça, das estatais e, por fim, das forças armadas. Graças a Deus, creio que o Exército, Aeronáutica e Marinha jamais se prestariam a isto. Porém, tenho medo das polícias, que me parecem mais frágeis moralmente. E, segundo Olavo de Carvalho, já existem indícios claros de aparelhamento nesta instituição. Para mim, a situação é gravíssima. Nesta semana o MST recebeu “aulas de socialismo” do Ministro das Comunas da Venezuela, que andou em várias cidades do Estado de São Paulo aliciando jovens idiotas, que fazem desses ditadores, ídolos. Confesso que tenho vivido dias tensos ao perceber toda essa armação às escondidas, sem que o povo brasileiro saiba realmente o que está acontecendo. Isso, para mim, é o mais grave. Tudo é feito às escondidas, inclusive com a ajuda da grande midia no precioso serviço (para eles) da desinformação. Quando falo sobre isso, muitos riem, achando “imaginação fértil”. Perdi alguns amigos no facebook por me ingressar nesta luta, mas não consigo “enxergar” e ficar calado. Obrigado pela coragem do seu blog e de seus textos.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s