Há valores e limites que não podem ser desprezados ou ultrapassados 

Caros amigos

 Na página 141 do livro “O PILOTO DE HITLER”, de C. G. Seeting, lê-se o seguinte:

A única organização poderosa o bastante para depor Hitler era composta pelas Forças Armadas alemãs. Os líderes militares alemães não destronaram Hitler, apesar de a maioria certamente ter percebido que isso era necessário, em 1942. Apegando-se ao voto de lealdade e à tradição de atividade não política, os líderes militares permitiram que o Feldsherr (comandante em chefe) amador lançasse uma guerra e comandasse desde grandes campanhas até a ação de unidades pequenas, apesar de saberem que Hitler era inadequado por formação e temperamento para servir como comandante supremo.”

 Mesmo considerando que as circunstâncias sejam outras e que esse não seja o tipo de ameaça que paira sobre o Brasil, cumpre analisar o texto sob a influência do pensamento de outro conhecido chanceler alemão, Otto von Bismarck: “Os tolos dizem que aprendem com os seus próprios erros; eu prefiro aprender com os erros dos outros“.

 Assim, segundo Bismarck, para que não façamos papel de tolos, devemos aprender, o quanto antes, que para tudo deve haver limites e atitudes que os façam ser respeitados, particularmente quando a sua ultrapassagem põe em risco o futuro da Nação ou ameaça quebrar compromissos assumidos com a Pátria ou, ainda, valores como a honra e o pundonor.

 É preciso que erros – como dar poder além do devido a pessoas despreparadas, aceitar o acobertamento da malversação e da apropriação indevida de recursos públicos ou aceitar imposições descabidas de quem não tem escopo moral nem legal para fazê-lo – sirvam de lições para todos nós, brasileiros, de forma que aprendamos a fazer com que  os valores e os limites, claramente estabelecidos na Constituição Federal e em estatutos não menos importantes, sejam muito bem conhecidos e lembrados aos que imaginam ser possível desprezá-los e ultrapassá-los impunemente.

 O conhecimento da história deve servir, portanto, de antídoto à repetição de erros, nossos e dos outros, assim como a incomplacente exigência de respeito aos limites estabelecidos para o poder deve servir de prevenção contra novos e não menos danosos desastres!

 Gen Bda Paulo Chagas

Anúncios
Esse post foi publicado em Atualidades. Bookmark o link permanente.

19 respostas para Há valores e limites que não podem ser desprezados ou ultrapassados 

  1. Cláudio Fagundes disse:

    Caro Gen. Paulo Chagas,
    Continuo atento aos acontecimentos, às vezes com mais, às vezes com um pouco menos de esperança. Pelo menos, no curso natural das coisas. Digo isso porque, minha esperança em última instância paira sobre um curso extraordinário das coisas. Creio em Deus e que nada escapa ao seu controle em benefício do seu propósito maior. Se esse propósito incluir, mais uma vez, impedir um trauma doloroso na história da nossa nação, a reversão da situação que vivemos virá de uma forma ou de outra.

    Não se trata de isentar-nos de nossa vigília, atenção e mobilização no uso da cidadania responsável. Mas, de se apoiar naquilo que é sólido e consistente como esperança. Porque atualmente olho com espanto a incredulidade e condescendência daqueles que a pouco se opuseram, pelo voto, a esse grupo perverso que se estabeleceu no poder, nas armadilhas em que eles estão colocando o Brasil. Me parece que as únicas preocupações da maioria da população insatisfeita, se resume na legalidade dos fatos e na economia. Os mais esclarecidos que me rodeiam não consideram seriamente a transformação ideológica que está em andamento diante dos nossos olhos. Se o ministro da Fazenda escolhido acalmar o mercado, então tudo bem. Se uma meia dúzia de corruptos do “Petrolão” forem presos, então tudo bem.

    Refletindo sobre seu último texto percebo que nossa população está muito longe de aprender com os erros dos outros. A parcela que teve o privilégio de receber um pouco mais de formação ainda tem um contingente muito grande de desinteressados ou de equivocados, com relação ao risco político e social que corremos. Perder o pouco de democracia que experimentamos lhes parece mais uma dessas teorias da conspiração.

    Então me pergunto a cada vez que tenho essa percepção, que fato, que argumento será necessário para que se espalhe discernimento entre esses, e uma reação civil consistente, com armas jurídicas e legais possa prosperar? Sei que não tem todas as respostas, mas compartilho com o senhor essas minhas inquietações porque sei que também são sentidas por outros brasileiros e o senhor tem dado bons conselhos em seu canal de comunicação. No final o trabalho é de todos nós e peço a Deus que nos ajude a encontrar eco entre os nossos concidadãos de bem para se posicionarem a favor de um Brasil livre, promissor e ordeiro.

    Um forte abraço,
    Cláudio

    • Caro Claudio, a pregação dos comunistas é que a proposta deles é o “paraíso na Terra”, fartura para todos, mas a fartura depende da economia que, no regime deles, NUNCA vingou em lugar algum!
      Os vagabundos, os aproveitadores, os hedonistas são os que, por alergia ao trabalho físico e mental, alimentam esperança no sistema que se vale do dinheiro dos outros e nada produz, distribui a miséria e confisca a liberdade de pensar e até de trabalhar e produzir. assim, amigo, nosso maior aliado é, como disse-me o Deputado Ronaldo Caiado, o “carrinho de supermercado”. Eles dizem que o regime deles produz riqueza, quando, na verdade só produz miséria e atraso. A impossibilidade de evoluir e de atender as suas promessas nos salvará. Precisamos permanecer vigilantes e denunciar, cobrar e processar por todos os meios ao nosso alcance, assim, abriremos os olhos dos iludidos e desmascararemos os hipócritas!
      Obrigado pelo comentário!

    • Aparecida Donizeti de Oliveira disse:

      Cláudio gostei muito de ler o seu texto!compartilho de suas angústias e também tenho fé em Deus! Sei, entretanto, que somos cidadãos brasileiros e se estamos aqui, agora, não é por acaso e precisamos lutar.Há muitas pessoas que sequer acreditam e ou enxergam o que está acontecendo em nosso país e que me consideram paranoica e pessimista.Outras,sabem,mas não acreditam ou dizem não acreditar na investida vigorosa de gananciosos por poder ,por uma ditadura latina no Brasil.Não depende de cultura, intelectualidade…É estranho e assustador; mentes dominadas me parece e que não abrem um mínimo espaço ao diálogo.Não têm argumentos e só respondem que é mentira, que não existem provas contra o governo e se apresentarem alguma,dirão que é forjada, é golpe.Quando,outro dia, procurei no youtube pra minha filha ouvir,a música “Eu te amo, meu Brasil…Meu coração é verde,amarelo…” (É certo que era muito criança nos anos 60,mas…)tive vontade de ouvir de novo e ,apesar de nunca ter tido uma ideologia socialista,minha visão,, nos últimos anos, tem clareado com relação a 1964.Creio mesmo que é mais do que um momento politicamente delicado em nosso país; é o momento onde estamos sendo testados em nossa gratidão à pátria que nos acolheu, em nossa coragem e em nossa confiança em Deus.Continuemos fazendo tudo que está ao nosso alcance e aguardemos a “decisão Divina a seu tempo”.Abraço.

      • Cláudio disse:

        Aparecida,
        me alegra saber que gostou do texto. Concordo com você quando diz que é estranho pra gente como nós, que valoriza a liberdade e uma forma mais realista de lutar contra as diferenças sociais, ver como tantas pessoas, independente de seu conhecimento e poder aquisitivo, desprezam a armadilha em que estamos caindo, com essa ideologia “zumbi”. Mas essa é, infelizmente, a nossa realidade. Assim mesmo com momentâneos desalentos, Deus há de nos dar sempre uma nova oportunidade à frente para levantar a cabeça e trabalhar.
        Abraços, Cláudio

  2. GILBERTO DE CARVALHO JR disse:

    Conforme citado no texto, precisamos fazer com que os valores e limites estabelecidos em nossa constituição sejam conhecidos, lembrados e obedecidos. Causa-me estranheza e indignação o fato do atual governo e os imediatamente anteriores terem descumprido a constituição no que refere-se à utilização dos recursos públicos pertencentes ao BNDES. Segundo entrevista da Dra. Maristela Basso, professora da USP, esses empréstimos para Cuba, Equador e o perdão das dividas dos países africanos deveriam ter sido aprovados pelo Congresso Nacional e não o foram, portanto são inconstitucionais. O que causa-me maior indignação ainda é o fato dos partidos que se dizem de oposição, salvo raras exceções, não terem se manifestado veementemente contra esses financiamentos absurdos concedidos a governos totalitários e sanguinários e nem terem impetrado uma ação contra a “presidenta” por conta desses atos. Estamos sem representatividade em nosso congresso, talvez um dos motivos do alto número de votos nulos, em branco e abstenções. O PT e o PMDB não vão implantar uma ditadura. Eles já o fizeram!
    Cabe a nós acompanharmos atentamente o que vão fazer os deputados e senadores eleitos e que logo serão empossados, atitudes compatíveis de uma oposição de verdade e não de um bando de meros espectadores!

    • Adalberto Pimentel disse:

      Meu prezado amigo com o devido respeito, mas creio que os deputados e senadores eleitos não fizeram e não vão fazer e porque? Porque estão sendo beneficiados (comprados) e não entraram na política com a motivação de ajudar o nosso país, mas para se beneficiar dele. Eu não estou tendo nem prazer de saber o que nossos senadores e deputados estão fazendo porque simplesmente não acredito mais neles. Agora fica a pergunta, será que podemos vislumbrar um futuro melhor para o nosso pais com tanta gente imprestável no governo? Olhemos a situação em que chegou por exemplo o México. Vamos aguardar para ver no que vai dar. Adalberto Pimentel

  3. Gisa Tavares disse:

    Bom dia General.

    A situação continua a piorar cada vez mais.
    Gostaria que o Sr, visse este vídeo.

    Não sei mais se haverá um futuro para nós.
    Procurei me manter calma e confiante em alguma justiça, mas estou perdendo a fé.
    A vilania e sordidez dessa gente que detém o poder, já ultrapassou, há muito tempo, todos os limites.
    O que será de nós?
    Que Deus nos ajude!

    • Cara Gisa, o rapaz que fez o vídeo e a denúncia dá também a orientação para o que fazer. Este é um assunto de polícia e de justiça. A Polícia é estadual, não municipal. O governador é da oposição ao PT. As “Ações Populares” são grátis e há advogados honestos que querem ajudar. Se cada um dos que se consideram prejudicados ou ameaçados em seus direitos entrarem com ações desse tipo, a prefeitura do PT colocará as barbas de molho e pensará duas vezes antes de investir contra o direito de propriedade. É preciso que haja reação, é o que Deus quer que façamos antes de colocar as coisas nas mãos Dele!

  4. Pedro disse:

    O plano do PT não é anunciar nada. Eles não vão dizer que estão colocando o comunismo em pauta. Eles não vão nem tocar no assunto, o que eles querem é fazer uma democracia de fachada, alterando o texto legal (Constituição Federal) com decretos, leis e medidas que sejam adotadas e aprovadas no congresso (coisa que está difícil para eles conseguirem, felizmente). Fazendo tudo “dentro da lei” e da “democracia” eles não poderão ser retirados do poder (talvez, nem pelo voto, já que existe uma máfia cubana por trás de nossas urnas). E quando chegar a essa situação, como é o que já ocorre na Venezuela, que é uma situação onde o povo “em maioria” aceita, porque não tem como contestar pelos atos, com tudo aparelhado ao governo (principalmente judiciário), aí só intervindo com forças armadas. Se pegarmos o caso da Venezuela HOJE, só com intervenção de forças armadas estrangeiras às ordens da ONU ou do Tribunal de Haia, porque a oposição Venezuela não tem poder algum pra retirar o ditador do poder, nem a quem recorrer, já que o judiciário, dito pela própria ONU, é o governo quem indica, e as forças armadas venezuelanas, invés de proteger o POVO, escolheu proteger o GOVERNO, por simples compra (com aumentos salariais e conversinhas). Tenho muito medo que nossas forças possam fazer algo parecido, talvez apenas por uma parte, como no caso da Força Nacional criada pelo PT e que deve (pelo menos em tese) proteger o GOVERNO, e não o POVO.

    Eu sei que não é hora dos militares tomarem o poder, muita coisa vai rolar, mas infelizmente, o PT não vai anunciar a vinda do socialismo, eles vão colocar isso enquanto a gente se distrai assistindo TV, talvez, quando a gente venha a se ligar, seja tarde demais, e esse é o meu medo.

    • Caro Pedro, você tem razão, temos que estar e ficar “ligados” e atentos a todos os movimentos do adversário. Temos que empregar todos os recursos de que dispomos, de forma progressiva, na medida do necessário, até, se preciso, chegarmos ao último recurso da razão…

  5. Leandro Reis disse:

    Nobre amigo Paulo Chagas, sobre a situação do General Enzo e outros serem suspeitos de corrupção… o que o grupo TERNUMA teria a dizer sobre o assunto?

    • Caro Leandro, trata-se de matéria requentada com o único objetivo de denegrir a imagem do Comandante e do Exército, às vésperas da entrega do relatório faccioso da CNV. Se fosse verdade ele já teria pedido para sair!

      • Leandro Reis disse:

        Infelizmente nobre amigo Paulo Chagas, o General Enzo já deixou provado que não é um homem movido pela consciência moral e digna que norteia os seres humanos de valor, tendo em vista que ate o momento, ele não retirou das mãos dos malditos corruptos do PT a maior honraria do Exército Brasileiro, a medalha do Pacificador.

        Um General que deixa a Pacificador nas mãos desses lixos humanos não mais inspira confiança. O que o nobre amigo teria a falar sobre esse assunto?

      • Leandro, na minha opinião a medalha tinha que ser recuperada, mas respeito a posição do Comandante porque não sei quais são os seus motivos para, mesmo sofrendo desgaste, manter as coisas como estão.

  6. Rodrigo de Souza disse:

    http://veja.abril.com.br/noticia/economia/comissao-de-orcamento-aprova-projeto-que-dribla-meta-fiscal

    Está tudo dominado! Uma presidente comete um CRIME e nada acontece! Aliás, acredito que, mesmo essa comunista confessando todos os seus crimes, nada aconteceria.

    Difícil acreditar que o Brasil tem solução. Pois os corruPTos estão zombando da nossa cara, simplesmente porque não podemos fazer nada! Se existe alguma solução para isso, ninguém conhece.

    http://blog.jornalpequeno.com.br/linhares/2013/08/19/filho-de-lula-afirma-quem-manda-nesse-pais-e-o-meu-pai-eu-sento-onde-quiser-e-mando-minha-turma-bater-em-voce/

    Por isso o cidadão de bem, pagador de impostos, foi desarmado, para ser escravizado. Enquanto isso, o ministro José Eduardo Cardozo gasta nossos impostos para sua segurança e de sua família.

    Vergonha dessa palhaçada!

  7. Tati Santos disse:

    Sempre escutamos que entre as obrigações das Forças Armadas está a preservação da lei e da constituição.
    Como isso realmente funciona? Pois o governo há anos descumpre a contituição e a lei 1079 (que dá bases para impeachment), não é também a primeira vez que descumpre a lei de responsabilidade fiscal. O Congresso, de onde poderia e deveria partir um processo de impeachment não o faz e, ao contrário, hoje aprovou a alteração da LDO para favorecer a presidente e “regularizar” mais um crime de responsabilidade que ela cometeu…
    Sem contar que TRANCARAM as portas do Congresso para que os cidadãos não entrassem.
    Sem contar, ainda, que o STF engaveta todo processo que é contra a presidente (foram dezenas de 2013 para cá).
    Dois ou três senadores e deputados de oposição não conseguem fazer o que a situação critica pede, mesmo com o povo indo às ruas…
    Não entendemos porque as nossas respeitadas Forças Armadas não agem …

  8. Tati Santos disse:

    Sempre escutamos que entre as obrigações das Forças Armadas está a preservação da lei e da constituição.
    Como isso realmente funciona? Pois o governo há anos descumpre a constituição e a lei 1079 (que dá bases para impeachment), não é também a primeira vez que descumpre a lei de responsabilidade fiscal. O Congresso, de onde poderia e deveria partir um processo de impeachment não o faz e, ao contrário, hoje aprovou a alteração da LDO para favorecer a presidente e “regularizar” mais um crime de responsabilidade que ela cometeu…
    Sem contar, ainda, que o STF engaveta todo processo que é contra a presidente (foram dezenas de 2013 para cá).
    Dois ou três senadores e deputados de oposição não conseguem fazer o que a situação critica pede, mesmo com o povo indo às ruas…
    Não entendemos porque as nossas respeitadas Forças Armadas não agem.

  9. Luiz Alves disse:

    Caro General Paulo Chagas, os planos do PT e seus aliados, não são apenas de implantar o comunismo com base no Fidelcastrismo ou Chavismo (este que já está nos quintos do inferno), eles estão enriquecendo e atuando também como gafanhotos, consumindo todas as finanças do país e do povo brasileiro. Nosso país está prestes de um colapso financeiro incalculável, que talvez não consiga sair, eles roubam, riem na cara de todos e são protegidos por leis fracas e legisladores que não honram e nem amam seu país. A lei do encher os bolsos tem muito mais valor que a honestidade, a dignidade e a decência. Todo o povo brasileiro e a própria Constituição Federal, estão sendo humilhados, desrespeitados, por essa corja de ladrões e roubadores de nossa paz, riquezas e dignidade. Os valores foram invertidos, os honestos e dignos são injuriados e tem até sua imagem denegrida e eles (forças politicas) não medem esforços para isso. Sabe General é inadmissível que as riquezas do país e do povo continuem a serem roubados continuamente. Acredito nas Forças Armadas..

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s