“8515”, apenas um decreto…

Caros amigos

Motivado pela nomeação de Jaques “Jacu” Wagner para o Ministério da Defesa, fiz menção ao pensamento de um amigo do meu pai:

“Um homem, sem seu cavalo, é apenas um homem. Um cavalo, sem seu cavaleiro, é sempre um cavalo”.

O pensamento visa a chamar a atenção para a nobreza do cavalo diante da insignificância do homem.

É com este espírito que enxergo JW no Ministério da Defesa e, agora, o Decreto 8515: Ele é apenas um insignificante petista e o decreto não passa de mais um decreto de um governo cambaleante e decadente. Já as Forças Armadas, com ou sem ministro ou delegação de encargos, serão sempre Instituições Nacionais Permanentes, com toda a importância que o texto constitucional lhes confere!

Pouco importa o Sr JW e suas novas missões, pois ele só terá significado e importância se os militares resolverem prestigiá-lo como Chefe Militar, o que ele não é, nem nunca será!

Cabe, portanto, aos Comandantes das Forças e a seus Altos Comandos saber manter, dele e do governo, a distância de segurança necessária para manobrar no espaço que lhes confere o afastamento do poder e a liberdade de não serem membros e de não ter outros compromissos com o governo além do cumprimento de suas missões constitucionais, porquanto os militares, com ou sem ministro ou decreto 8515, serão sempre os Marinheiros, os Soldados e os Aviadores do Brasil!

Os militares conhecem todos os limites do exercício do poder legal, conhecem suas missões, seus deveres e seus compromissos para com a Nação e, para serem eficientes, eficazes e efetivos basta-lhes a lei, os regulamentos e a confiança dos brasileiros!

Portanto, qualquer que seja o Ministro da Defesa ou a delegação de “competência” da atual governanta do Brasil, quem faz a diferença são os COMANDANTES, Chefes e Líderes Militares, eles é que fazem a diferença !

Gen Bda Paulo Chagas

Anúncios
Esse post foi publicado em Atualidades. Bookmark o link permanente.

44 respostas para “8515”, apenas um decreto…

  1. Patriota disse:

    Caro Senhor Gen Paulo Chagas. Eles não precisam dar um ponta pé em todos os comandantes de alta patente. Eles só precisam derrubar de um por um, ou melhor, eleger a quantidade exata de generais e coronéis, e por os legítimos, nas cadeias. Assim, não haverá rebelião, cada um vai querer salva-guardar o seu, e no fim, não haverá mais nenhum patriota as Forças Armadas, virando do “dia para a noite”, Forças Armadas Unasul.

    Pronto, já era Forças Armadas Brasileira.

    É por isso tal decreto. E da forma que está, é muito risório que agora, eles não conseguiram o que tentam almejavam.

    É lamentável.

    Triste, mas a verdade é que, pegaram pilha demais. Dormiram no ponto.

    Até você, não só vai ser demitido até mesmo da reserva, se não for para a cadeia, ou algo muito pior.

    O resto como falei antes, é fruto de vossa imaginação que vai dizer se o risco agora, para todos os brasileiros, é somente um conto de fadas.

    Desculpe a palavra Sr. Gen. Não é nenhuma intenção minha, lhe desrespeitar, mas a realidade que vivemos, é outra.

    E a tão temida realidade, chegou.

    • Caro Patriota, nada mudou. Não há eleições para promoção de militares, há uma lei muito rigorosa e muito cara aos militares. O decreto é, apenas, uma delegação de atribuições que, desde sempre, foram da Presidência da República, como disse, não muda nada.

      • Paulo César da Silva Azevedo disse:

        General. Não fui ao desfile, mas escutei os hinos “Nacional, da Independência e do Exército com minha neta. Quando o Brasil precisar convoque a todos e eu estarei convocado. Não temo morrer pelo Brasil, apesar de ser civil.

      • Paulo César da Silva Azevedo disse:

        General. Não fui ao desfile, mas escutei os hinos “Nacional, da Independência e do Exército com minha neta. Quando o Brasil precisar convoque a todos e eu estarei convocado. Não temo morrer pelo Brasil, apesar de ser civil. O SENHOR NÃO ACHA QUE O MINISTRO DEVERIA SER DAS FORÇAS ARMADAS? A Presidenta é civil, mas já que delegou, poderia ser para um Ministro das FORÇAS ARMADAS. Não!

      • Caro Paulo, sim, poderia ser qualquer um, menos um Jaques Wagner!

  2. Lygia Maria disse:

    General, admiro muito a sua fala e tenho confiança nas Forças Armadas!! Sempre falo que o silêncio não significa omissão e sim uma grande planejamento. Sou patriota e do tempo que comemorava-se o Dia da Independência e cantava-se o Hino Nacional frente a nossa Bandeira. Sempre fui contra a esses ditadores que aí estão (PTistas). Mas continuo com a minha esperança que tudo isso vai acabar. A HISTÓRIA SE REPETE.

  3. José mariano disse:

    General, Paulo Chagas
    Com tudo que está acontecendo no Brasil a FFAA não tem poder para fazer nada?

    • Caro José Mariano, para tudo que está acontecendo no Brasil há alguma instituição com encargo de fiscalizar e fazer enquadrar-se na lei. As FFA existem, basicamente, para a defesa da Pátria e a garantia da lei e da ordem quando outros recursos se esgotarem. Sergio Moro, parte do Congresso e os Ministros Gilmar Mendes e, anteriormente, Joaquim Barbosa demonstram que ainda há energias a serem esgotadas antes de chegar a hora das FFAA, o que, estou convencido, pelo que tenho visto, não ocorrerá!

      • MARINA disse:

        Caro sr. General, ajudem-nos, pelo amor de Deus ! E pelo amor que os senhores têm – sabemos que têm – por suas fardas. Não suportamos mais tanta opressão. Libertem-nos !!!!

  4. Victor disse:

    ADSUMUS.

    BRASIL ACIMA DE TUDO.

    COMO Sr.General bem disse.

    DOS MILITARES NÃO PASSARÃO.

    Não depende dos militares e sim das pessoas. Se a população mostrar o CAOS social, greve geral e insatisfação total com esse status quo do crime e tomarem o Congresso..exigirem imediata queda da presidente e de toda corja da Casa do Povo tomada por arruaceiros como Temer, Renan.Cunha, Levandowsky’s da vida. …

    As FFAA garantirão a segurança e o processo.

  5. Alix Deb disse:

    Obrigada pelo artigo General Paulo Chagas, compatilhando por aqui!

  6. Cristiano disse:

    Saudações General!

    General, o Decreto 8515 não é uma manobra estratégica defensiva do “Establishment”, que pretende, em uma eventual INTERVENÇÃO, colocar as FORÇAS ARMADAS atuando no plano da ILEGALIDADE? Desse modo, uma INTERVENÇÃO, ainda que investida de O ÚLTIMO RECURSO, não teria fundamentos no plano normativo nacional. Diante desse novo quadro criado pelo “Establishment”, não é muito cedo para rotular o Decreto de “apenas um decreto”?
    Por mais que as F.A sejam moldadas pela força da tradição, o GENERAL não vislumbra que esse Decreto pode abrir novos caminhos para o aparelhamento das F.A?

  7. Charles A. disse:

    Sr, General,perdoe-me a ousadia de discordar, mas,se é apenas uma delegação de atribuições, qual a razão do governo editar o decreto num momento extremamente perigoso pelo qual passa a nação? Provocação?Nele estão contidas as “novas” atribuições do ministro da defesa.Ele se tornou mais poderoso do que o Super-Homem.Vai ter poder até para instituir a medalha de mérito do beijo lésbico 2015,por exemplo.Esse senhor quase baiano,visto ter nascido supostamente no Rio de Janeiro, e nem um pouco brasileiro, tem como pátria o PT e seus amigos do Foro de São Paulo.

    Um abraço.

    • Caro Charles, repito, qualquer que seja o Ministro da Defesa ou a delegação de “competência” da atual governanta do Brasil, quem faz a diferença são os COMANDANTES, Chefes e Líderes Militares, eles é que fazem a diferença !

  8. dilma silva disse:

    senhor general , confio nos Militares brasileiros , nós brasileiros precisamos acreditar que nossos militares estão atentos ao que estamos assistindo em nosso país , este decreto nos mostra claramente a tentativa de nosso governo em enfraquecer pela mudança no decreto a instituição brasileira que mais temem , como o senhor diz é apenas um decreto , quero confiar em que os militares não vão permitir em hipótese nenhuma no seu Comando e que a partir deste decreto ficaram prontos para agirem dentro da lei em defesa da democracia que nós brasileiros lutamos tanto pra conseguirmos………..

  9. Carissimo General! Uma honra falar com o senhor! Sou psiquiatra e tive uma experiência incrivel como medico da 15 Companhia de Engenharia em Palmas-Pr. Até hoje tenho grande admiração pelos militares de carreira, em especial o comandante… Grandes Homens! Mas indo ao assunto, gostaria de saber sua opinião sobre uma fala do professor Olavo de Carvalho que aponta para um inimigo unido internacional (foro de sao paulo) que então sim, poderiam fazer frente ao exército brasileiro. Outra coisa: qual seria sua opinião sobre a promulgação de um decreto como esses neste momento? Qual seria a real intenção dele? Já compreendi que o decreto em si não muda os fatores mais determinantes que são anteriores a este decreto. Mas pra que ele existiu? Qual sua opinião sobre isso? Saudações e….Selva!

    • Prezado Carlos, o Foro de São Paulo é, de fato, uma ameaça política efetiva, porquanto é organizado e coordenado, haja vista a quantidade de governos de esquerda que foram eleitos na AL. Pode vir a ser uma ameaça militar, mas, não creio que haja, neste momento, ambiente, condições e vantagem em tomar uma atitude como esta. Não é preciso entrar no mérito da origem e do objetivo do decreto 8515, o que vale é que foi um tiro no pé e que mostrou que as FFAA estão atentas e que, sem alarde, dizem o que é preciso para quem precisa ouvir…

      • aux de navegação disse:

        Sou Hidrógrafo da RRM e estou pronto para sentir novamente o clima da camaradagem, e participar da comemoração diante da vitoria alcançada. Pela minha proa nao passarão os problemas ficarão embaixo da minha quilha.

  10. Herman disse:

    General, nós, brasileiros estamos de pé e a ordem para apoiar as forças armadas.

  11. NANCY MOTTA disse:

    SENHOR GENERAL, QUAL MOTIVO DE VOCÊS NÃO ASSUMIR O PODER E DEIXAR ESSES BANDIDOS DO PT NO COMANDO DO PAÍS. PORQUE VOCÊS NÃO ARREBENTA COM ESSES BANDIDOS PSICOPATAS PARASITAS DO PAÍS. NOS BRASILEIROS QUE PAGAMOS ALTOS IMPOSTOS QUEREMOS UMA RESPOSTA URGENTE.

  12. Claudio de Rezende Barbosa disse:

    Caro General Paulo Chagas,
    Antes de ler o teu comentário aqui no Blog dei uma resposta no grupo what zap, ao qual faço parte, composto por militares e falo praticamente o que o sr aqui postou.
    Este decreto nº. 8.515/2015 corrige o decreto nº. 2790/1998 que delegava competência aos Ministros Militares, hoje não existe mais ministérios militares e sim o Ministério da Defesa.

  13. Cristiane Gomes Nunes disse:

    Acreditava que a intervenção chegaria logo para exterminar os comunistas e seus planos malignos do nosso país, cheguei a sonhar que esse dia seria hoje.Mas, me enganei, e, em lugar disso chorei com o meu coração patriota partido ao ver os militares desfilando atrás do muro de aço, e a cada minuto vendo era um pouco da minha ultima esperança indo embora. Agora me sinto desacreditada, decepcionada e triste, muito triste, pois sei que agora é sentar e esperar o trágico e inevitável fim dessa situação em nosso país… minha pátria amada, Brasil.

    • Cara Cristiane, só quem quis ficou atrás do muro. Eu assisti o desfile com toda a minha família junto com o povão que vaiou a Dilma e aplaudiu as FFAA, não tive qualquer problema para entrar e ainda ganhei um livrinho alusivo ao Dia da Pátria e uma bandeirinha do Brasil!

      • Cristiane Gomes Nunes disse:

        Me desculpe, mas acho que vaiar não influencia em nada a mudança de planos dos comunistas que já demonstraram não ter nenhum caráter. Gostaria muito de ter visto o sonho da maioria dos brasileiros inclusive o meu se realizar no dia da independência do Brasil. Mas visto os seus comentários em outras questões aqui, começo a me sentir esperançosa novamente. Espero que tudo isso seja resolvido, e que no futuro lembremos disso como mais uma investida frustrada sobre a implantação do comunismo aqui, e que Deus entre com providências contra todo mal.

  14. JOSE GERALDO disse:

    Com certeza, vindo da governanta e sua trupe, não é apenas um decreto. Mesmo que nas fileiras da FFA tenham pessoas de grosso calibre, não vejo, a curto prazo, uma guinada do Brasil rumo à democracia. O futuro, que era previsto, e temíamos chegou.

      • General, não seria importante compreender a intenção deste decreto para tentar conhecer os planos do PT e do foro de sao paulo?
        Não seria adequada uma reação clara das ffaa a este decreto. Ou mais: não seria o momento de um contra ataque a este decreto visando ganho de independencia da instituição? (Por exemplos : exigir o fim do ministerio da defesa civil, argumentando necessidade de proteção maior devido a intenções pouco claras deste decreto?).
        Sabendo que existe um inimigo infiltrado e maquiado de população amiga (pt, foro de sao paulo, projeto russo-chines de poder) não seriam adequadas ações preventivas por parte das ffaa? Como por ex: firme reação aos planos de união de exercitos da america latina, “treinos de ações” em Brasilia de GLO, aproximação publica entre ffaa norte americanas, israelense, etc? Quero dizer, por que o comando das forças armadas não usa mais de sua liberdade de ação ainda que precise manter a escala de comando para manter o bom padrão de profissionalismo?
        Gostaria de me colocar à disposição para qualquer ajuda, sabendo que sou um psiquiatra…

      • Prezado Carlos, os militares não fazem alarde das suas atitudes (veja o caso deste decreto ridículo) porque não querem que isto seja motivo de interferência no processo político, encargo da sociedade em uma democracia que se quer como tal. Isto não significa que estejam desatentos ao que se passa no País, o que é sua obrigação constitucional, e deixam claro, no seu canal de comando, que não negligenciarão do cumprimento dela. Ou seja, aconteça o que acontecer, eles farão cumprir a lei e manterão a ordem. Assim, deixam bem alertados os que pensam em burlar decisões legais no grito, “convocando” milícias do tipo stédile, MST ou CUT. DEDICAM-SE INTEIRAMENTE AO SERVIÇO DA PÁTRIA,
        CUJA HONRA, INTEGRIDADE E INSTITUIÇÕES, DEFENDERÃO COM O SACRIFÍCIO DA PRÓPRIA VIDA!

  15. Juçara disse:

    Tenho certeza excelência, que as forças encontram-se alertas para na hora exata agirem;confio em suas palavras,disciplinados e estrategistas,já têm toda ação planejada;sei que a batalha será árdua,mas sairemos vencedores com fé emDeus!

  16. Antonio Carlos de Andrade Leite disse:

    Bom dia,

    Me desculpe general, mas tenho minhas duvidas se no meio militar este decreto esteja sendo tratado com toda esta calma. Este decreto é uma afronta aos militares, total desrespeito, ainda mais partindo de um partido de bandidos que estão acabando com nosso pais. As forças armadas tem meios para não acatarem este decreto, até mesmo porque contam com todo apoio do povo brasileiro. Estão cutucando a onça com vara curta, já está passando da hora da onça reagir.

    • Caro Antônio, se eu estou tranquilo é por que alguém em quem confio está tratando deste assunto…

      • Luiz disse:

        Prezado General boa noite,
        Uma vez que o golpe dessa quadrilha de esquerdopatas já foi dado, só falta oficializar, será que já não passou em muito o tempo de um contra golpe? Porque os militares tem passado por tanta humilhação e não reagem? Porque diante de tantas afrontas e ameaças dessa quadrilha cujo objetivo é seguir a risca o decálogo de Lenin, implantando o comunismo no Brasil, não basta para uma reação? Tenho dezenas de outras perguntas, e confesso que tem horas que estou perdendo as esperanças de ver nosso Brasil distante de um comunismo.

      • Caro Luiz, quem lhe disse que os militares não têm reagido? O fato de não haver publicidade não significa que não haja. Eu não falo à toa…

  17. William disse:

    “Este decreto visa o aparelhamento das Forças Armadas, já que o Ministro da Defesa poderá doravante nomear aqueles militares alinhados com a ideologia comunista, tirando do quadro a meritocracia a qual o militares são promovidos por hierarquia” (retirado da internet)
    Boa tarde General! O que o Sr acha deste trecho que retirei da internet? O Sr acha mesmo que um ministro do PT não deixaria as Forças Armadas do jeito que o PT quer, alinhada às suas ideologias comunistas? O Sr acha mesmo que um ministro petista não “movimentaria” um comandante que não se atendesse os planos do PT? O Sr não parece preocupado. Gostaria de ter essa tranquilidade sua…
    Abraços Comandante.

  18. Renato disse:

    Concordo contigo General. Afinal, o que garante a promoção dos cargos militares é uma lei que está em exercício.LEI Nº 6.880, DE 9 DE DEZEMBRO DE 1980. http://www.planalto.gov.br/CCivil_03/leis/L6880.htm
    Fico feliz em saber que nossas armas estão nas mãos de pessoas que prezam a democracia.
    Que Deus o abençoe.

  19. Eu creio que há um alarido sem base que o sustente, creio que o Sr. General tem razão em dizer que as Instituições do País estão em pleno funcionamento no que tange a esfera federal e mais ainda no que tange as esferas estaduais e municipais. A democracia é conviver com opiniões contrárias dentro da ordem e da legalidade, por hora, isso há.

  20. jorge giaquinto disse:

    Prezado General Paulo Chagas
    Não foi analisado por V. Excia. as consequencias do decreto 8515 que revogou o decreto 62.104, de 1968, que delegava competência aos comandantes de aprovar os regulamentos das escolas e centros de Formação e Aperfeiçoamento, que abre caminho para a ingerência ideológica na formação de militares.

  21. Geraldo Ramos de Menezes disse:

    Continuamos confiante nas FFAA do brasil.

  22. Valdir Schiavon disse:

    Caro General posso falar um pouco como militar, tive o prazer de ter servido o exército brasileiro no 20 bib infantaria em Curitiba. Tenho a experanca pela ordem em nosso País e tenho a certeza de estamos preparado com estratégia e força se necessário para manter a ordem e o progresso em nosso país. Pois é o mínimo que podemos deixar para as futuras gerações.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s