“Epa! Nós podemos confiar em um comunista?”

Caros amigos

Sem querer influir no pensamento ou nas apreensões dos que estão convencidos de que os comunistas são todos iguais e tão incorrigíveis quanto cachorros comedores de ovelhas, compartilho – com quem quiser saber – informações sobre o desempenho do Deputado Aldo Rebelo, do PC do B, em defesa dos interesses das FFAA no Congresso Nacional.

Antes de passar ao relato, expresso o MEU parecer de que Jaques “Jacú” Wagner, o simpático, comunicativo e dissimulado ministro substituído, é tão comunista quanto o substituto e que, portanto, neste aspecto, nada muda, nem para melhor nem para pior.

Por outro lado, face ao que conheço e ao que pude apreender do testemunho de oficiais que, por dever funcional, tiveram algum relacionamento ou que tiveram que buscar a ajuda do novo Ministro para assegurar os interesses das Forças junto ao Legislativo e ao Executivo, sou levado, por dever de justiça, a concordar com a afirmação de que “vamos ficar muitas vezes melhor servidos com Aldo Rebelo do que com Jaques Wagner”!

Começo compartilhando o que é unanimidade entre os Assessores Parlamentares com quem, algum dia, falei: “Aldo Rebelo, enquanto parlamentar, sempre foi um defensor dos interesses das Forças Armadas”.

Todos os oficiais designados para as Assessorias Parlamentares recebem severas e precisas orientações sobre a importância e a sensibilidade da tarefa de atuar junto aos parlamentares no Congresso.

Durante a preparação, os novos assessores conhecem a relação dos parlamentares considerados “Tropa Amiga”, ou seja, aqueles com quem podem contar para qualquer embate e que estão sempre prontos para defender as proposições do interesse das Forças.

“Epa! Nós podemos confiar em um comunista?”. É exclamação comum de surpresa dos novatos na função, quando encontram o nome de Aldo Rebelo na relação da “Tropa Amiga”. Todos, no entanto, ao conhecerem os vários relatos de casos complicados em que ele acolheu e defendeu os interesses militares, passam a entender a razão da confiança depositada em um comunista!

O caso da Reforma da Previdência, a conhecida PEC 40/2003, que tinha entre seus objetivos o de colocar os militares no INSS, é emblemático, explica a minha mensagem e merece ser conhecido por todos.

As Assessorias Parlamentares, ao tomarem conhecimento da PEC, como não poderia deixar de ser, adotaram, como prioridade máxima, a reversão do quadro da ameaça e, desde logo, contaram com o apoio, a parceria e a orientação de Aldo Rebelo, que, à época, era o Líder do Governo na Câmara dos Deputados!

Em mais de uma oportunidade, testemunhadas e relatadas pelos assessores parlamentares, Aldo Rebelo bateu de frente com a base governista em defesa dos militares e da Família Militar, baseando seus argumentos na importância das FFAA, na especificidade das suas atividades, no seu conhecimento pessoal sobre a vida militar e na orientação que recebia dos Comandos das Forças!

Segundo os relatos que ouvi, Rebelo foi várias vezes ao Gabinete do Comandante do Exército para articular as ações que, com a sua participação direta, acabaram por vencer um “inimigo” que contava com o apoio do então Ministro da Defesa, José Viegas Filho e, particularmente, com o do traiçoeiro José Dirceu, o homem de muitas caras e pouco caráter, na ocasião, Ministro da Casa Civil.

O resultado dessa luta beneficiou a todos nós e a consequência dela, para aqueles que a lutaram, foi a consolidação da confiança que depositam na pessoa do Deputado Aldo Rebelo, não no seu partido ou em suas convicções ideológicas.

Concluo este relato repetindo que não pretendo influir nas convicções de ninguém, mas, apenas, mostrar que, embora a troca de comunistas não represente vantagem ou desvantagem, a troca das pessoas e as diferenças de caráter podem significar que, como dizem os que o conhecem, “vamos ficar muitas vezes melhor servidos com Aldo Rebelo do que estávamos com Jaques Wagner”.

O tempo será o juiz da minha confiança nos Soldados que confiam na pessoa do novo Ministro da Defesa!

Gen Bda Paulo Chagas

Anúncios
Esse post foi publicado em Atualidades. Bookmark o link permanente.

37 respostas para “Epa! Nós podemos confiar em um comunista?”

  1. Francisco Machado disse:

    Das duas, uma, caro General: ou Aldo Rebelo esconde as garras ou, no PC do B, ele é um peixe fora d’água. Quem sabe o seu comunismo seja mero oportunismo político. Se for assim, melhor.
    De minha parte confesso que vejo nele, por suas manifestações, um quê de ponderação e sensatez, sem os arroubos típicos dos que envergam a bandeira vermelha da foice e do martelo.
    De qualquer sorte, pelo sim, pelo não, é bom que as FFAA estejam em permanente alerta.
    Saudações
    Francisco Machado

    • Segundo o Gen Maynard Marques de Santa Rosa, “o Aldo Rebelo é um nacionalista. Pragmaticamente, poderá fazer uma boa administração, pois o nosso sistema militar é semi-socialista, sem a influência das ambiguidades de controle dos meios de produção. A propósito, penso que a verdadeira ideologia dele é o “estatismo”, não, propriamente, o comunismo. Esse viés não afeta o funcionamento do sistema militar”.

      • Por que, então,General, ele está no PARTIDO COMUNISTA?! Nosso sistema militar é semi-socialista? Não sabia.Realmente ,não sabia,senhor.

      • Aparecida, o sistema militar a que ele se refere foram os governos militares, estatizantes, sem interferir na iniciativa privada.

      • Nelson Duarte disse:

        General! O que significa sistema militar “semi-socialista”? Um meio caminho para o socialismo? O Socialismo propõe o extermínio da propriedade privada dos meios de produção, a tomada do poder por parte do proletariado, controle do Estado e divisão igualitária da renda. Já, o Comunismo… nem Marx conseguiu defini-lo senão como uma mera utopia. Entendo que o Estatismo… me parece mais a definição de Fascismo. Não há como partilhar um “semi socialismo”, com um “semi-liberalismo”. Ou há plena liberdade para a livre iniciativa e, o país cresce em soberania, ou… não há liberdade ou ela é provisoriamente restrita e aí estamos no caminho sem volta para o socialismo. No caso, o comunismo em si, nunca será atingido porque é matematicamente inviável o Estado prover toda a população sem a produção de riqueza (típica da livre iniciativa, que não existe no socialismo).

      • O General se refere aos governos militares e os chama de “semi-socialistas”, porque, embora tenham sido centralizadores e tenham criado muitas estatais, não deixaram de incentivar, apoiar e respeitar a iniciativa e a propriedade privada.

      • Francisco Machado disse:

        Antes assim!

      • Charles disse:

        General Paulo Chagas,vi suas respostas aos outros leitores e sinto discordar,mas essa fala do Gen Maynard refere-se aos tempos atuais e não ao regime militar,pelo que entendi. Ele está se referindo a Aldo Rebelo como ministro da defesa e ao sistema atual,ora! Durante o regime militar não havia ministros civis nas Forças Armadas e Aldo Rebelo,que livrou os militares do INSS,não livraria o país do regime que tanto ama,como mostram as homenagens feitas por seu partido,assinadas por ele,ao gordinho tarado da Coreia do Norte e seu “maravilhoso regime”!Então já estamos na fase semi-socialista das FFAA .Eu realmente,na minha ignorância ,nunca havia pensado nisso.Temos forças armadas semi-socialistas, segundo um importante General. Concordo com o leitor Nelson Duarte: Não há como conciliar um “semi-socialismo” com um “semi-liberalismo”.Estamos num mau caminho.Aquele em que se contraria os valores da sociedade em função do autoritarismo do estado,seja ele fascista ou comunista.Ou seja,força-se,por meio de violência,valores à população.Isso é o que se chama ” ditadura”! As ditaduras podem se esconder atrás de um civil,mas são sempre militares;senão ,não existiriam…Um ditador sem um exército seria só um maluco surtado.

      • Neste caso, nada temos a temer!

      • JB. Santos disse:

        Prezado General Paulo Chagas, sistema militar semi-socialista??? General com comunistas não tem esse negócio de “semi”, ou é socialista-comunista ou não!!! Esperar de comunistas um “semi” é dar com “os burros n’água”, General!!! Isto é a maior bobeira que já vi!!! General, leia ” O Livro Negro do Comunismo”!!! Sem mais um abraço!!! O link segue abaixo:
        http://www.mises.org.br/files/literature/O%20LIVRO%20NEGRO%20DO%20COMUNISMO%20-%20Crimes%20Terror%20E%20Repress%C3%A3o.pdf

      • O GEN SANTA ROSA SE REFERE AOS GOVERNOS MILITARES (64 A 85).

      • Renato disse:

        General, CRFB88-artigo 1º, V – os valores sociais do trabalho e da livre iniciativa;
        Esse inciso é o que garante o capitalismo em nosso país, o Brasil é capitalista. Não existe semi-socialismo. O que o senhor deve estar querendo dizer é um Estado de Bem estar Social ou Welfare State.

    • Marcelo Casadei disse:

      Nossas ações repercutirão na História que mostrará os erros vergonhosos de nosso presente… o povo está abandonado a própria sorte. Isso já é suficiente para aqueles que juraram proteger nosso Brasil assumam sua responsabilidade e limpem a escória política que domina nossa nação e coloque homens dignos no comando do país. A questão não é a volta de uma ditadura ao Brasil, mas sim o posicionamento que as Forças Armadas estão tomando… saibam que estamos abaixo Daquele que julgará todas as nossas intenções. Que Deus nos abençoe e tenha piedade dos que se esconderam atrás das ilusões da vida e não fizeram o certo.

      • dalto disse:

        Que bom foi a Intervenção Militar de 1964,para por pé no freio do pseudo socialismo(ditadura) que estava sendo preparado para o nosso querido Brasil.
        O saudoso General Figueiredo, alertou em 1987(vídeo do youtube) a possibilidade de ser novamente implantado o socialismo e disse mais: vocês vão ter saudade deste tempo em que nós estivemos no governo.
        Eu era feliz e não sabia; tudo funcionava bem; escolas, hospitais. segurança pública e hoje como está

  2. Boa Noite Prezado e Honrado General Paulo Chagas.
    Apesar de não ter conhecimento dos “despachos” efetuados pelo Sr. Ministro Aldo Rebelo frente ao Ministério da Defesa, contudo, em contra-partida na mesma proporção, o não conhecimento de seus “feitos” frente a quadrilha que “governa” o país, concordo com Vossa Senhoria ao tecer sua opinião de que com este senhor, parece que as FFAA não terão problemas maiores que os que enfrentou com a ave de rapina que hora adentra o Palácio do Planalto. Então pela falta de informações negativas acerca de tal Ministro, sigo vosso pensamento de que pior, creio, não ficará. Ou deveríamos aprender com o exemplo do Excelentíssimo Deputado Federal e poeta nas horas abundantemente vagas, Tiririca?
    Forte e cordial Abraço.
    Alexander Sampaio

  3. Procópio disse:

    Embora possa esta troca de ministro, em específico, ser neutra para benéfica, o restante da troca de ministros foi bastante “destranbelhada”. Parece até a dança das cadeiras. O atual sistema de governança está indo à falência, e torço que não leve a justiça junto.

  4. Sâmia Maia disse:

    Boa tarde general! Está marcada para dia 11/12/2015, na frança a COP21 (Conference of the Parties), que visa instituir o governo planetário para combater o aquecimento global. Um dos objetivos é submeter toda a região amazônica a uma administração “científica”, incluindo o território dos países que detém a soberania sobre ela. Com isso, o Brasil perde a soberania sobre o imenso território da amazônia. Qual seu pensamento isso?
    O Brasil tem perdido divisas com essa política vermelha que se instaurou em nosso país. Não me conformo em saber que somos roubados na exploração contrabandeada de nossas riquezas minerais e vegetais, e agora mais essa?
    Não podemos confiar nesse governo corrupto e muito menos nesse congresso vendido, onde a oposição não toma medidas que verdadeiramente acabe com esses desmandos, simplesmente porque querem se preservar, uma vez que estão, desculpe-me o termo, com o rabo preso.
    Não confio no STF, que desavergonhadamente se coloca a serviço do governo para esconder as corrupções do mesmo e não favor da nação.
    Esse caos político que vivemos está acabando com nosso país! O Brasil está qual criança órfã, suplicando por alguém que a proteja!
    Sinceramente vejo que a única saída é que as FFAA , possam nos socorrer dessa corja política, que instaurem a verdadeira ordem nesse país. Quem sabe futuramente quando a raiz desse câncer estiver extirpada, com políticos presos, direitos políticos cassados e dinheiro devolvido ao erário, possamos ter políticos comprometidos com os direitos fundamentais do brasileiro, e aí sim, possamos viver uma democracia plena.

  5. Excelentíssimo General Paulo Chagas,

    Segue um texto transcrito de um vídeo postado no facebook, em 01/10, pelo Sr. Israel Acherman Ambrosio. Trata-se de uma redação feita por uma jovem de apenas 14 anos, natural da cidade de Joinvile. Segue o texto da redação…

    “DAI PÃO A QUEM TEM FOME”

    Certa noite, ao entrar em minha sala de aula, vi no mapa mundi, o nosso Brasil a chorar.
    “O quê houve meu Brasil Brasileiro ?”, perguntei-lhe. E Ele, espreguiçando-se em seu berço esplendido, esparramado e verdejante sobre a América do Sul, respondeu chorando com suas lágrimas amazônicas :
    -“Estou sofrendo. Vejam o quê estão fazendo comigo !. Antes, os meus bosques tinham mais flores, e meu seio, mais amores. Meu povo era heroico e seus brados, retumbantes. O sol da liberdade era mais fulgido e brilhava no céu a todo instante. Onde anda a liberdade ? Onde estão os braços fortes ? Eu era a Pátria Amada e Idolatrada. Havia paz no futuro e glórias no passado.
    Nenhum filho meu, fugia à luta. Eu era a Terra Adorada, e dos filhos deste solo, a mãe gentil.
    Eu era gigante pela própria natureza, que hoje devastam e queimam, sem nenhum Homem de coragem às margens plácidas de algum riachinho, tenha a coragem de gritar mais alto, para libertar-me desses tiranos, que ousam roubar o verde-louro de minha flâmula.”
    – Eu, não suportando as chorosas queixas do Brasil, fui para o jardim. Era noite, e pude ver a imagem do Cruzeiro, que resplandece, no lábaro que ostenta nosso país estrelado. Pensei :
    “Conseguiremos salvar este país, sem braços fortes ?”. Pensei mais :
    “Quem nos devolverá a grandeza que a Pátria nos traz ?”
    Voltei à sala e encontrei o mapa silencioso e mudo, como uma criança em seu berço esplendido…

  6. Lusia Angelete disse:

    Me desculpe, general, mas essa frase “semi socialista” e a defesa de um comunista administrando as FFAA não soaram bem! Me deu a impressão de que estamos totalmente indefesos já que as FFAA, agora, possuem ideologias política e econômica. Barbaridade!

  7. Rosalvo disse:

    Prezado general, em relação à declaração de Lula que combinou a entrega das instalações da Petrobrás à Bolívia, não seria crime de lesa-pátria ?
    Agradeço pelo esclarecimento.

  8. Hugo de Mello Paiva disse:

    Muito bom seus esclarecimentos, e a demonstração da sua opinião pessoal, general.
    .
    Mas, e quanto ao Assessor Militar Estratégico Andrei Lugovol, homem da KGB, que assessorará Aldo Rebelo, com salário de R$ 25.876,56 ? Se, como disse Vladimir Putin: “Não existe isso de ex-KGB” ?
    .
    Qual a sua opinião sobre um agente da KGB “assessorando” o Exército brasileiro?

  9. Arnaldo disse:

    Sinto muito General, sinto mesmo não poder compartilhar do seu otimismo…me incomoda muito esse pessoal no comando das Forças Armadas…desde Celso Amorim ou Jaques Wagner, ou agora Aldo Rebelo. Nada mudou, nenhuma vírgula a mais. Nossas esperanças estão nas Forças Armadas independentes dessa gente.

  10. LUIZ OTAVIANO disse:

    Ver as Forças Armadas negando que estão rendidas aos comunistas é como aquela história do marido pego em flagrante com a amante: “não é nada disso que vc está pensando, amor”. Senhor General, nós não estamos pensando nada, nós estamos VENDO. Essa desculpa de que Aldo Rebelo é gente boa, nacionalista, etc, não cola. Os comunistas mandam e desmandam no Brasil e os senhores só assistem, sempre com o argumento de que “estamos atentos” e “não fugiremos às nossas atribuições”. Já fugiram. Já se renderam. O exército de Caxias acabou.

    • CARO LUIZ OTAVIANO, SE VOCÊ ACREDITA QUE AS FFAA ESTÃO RENDIDAS, O QUE NOS RESTA FAZER? QUANDO EU CONCORDAR COM VOCÊ, VIRAREI GUERRILHEIRO!

      • Arnaldo disse:

        General, imagine uma balança de dois pratos? No meio, no lugar do ponteiro está um ponto de interrogação. As informações, o que vemos, as declarações, a inércia e tudo o mais estão pendendo pra esquerda. O senhor mesmo, um dia desses não viu nada de mais no 8515 mesmo significando luz vermelha piscando. Se realmente não devemos nos preocupar, talvez seja hora de mandar-nos um sinal claro, mudar a cor da luz, colocar um verde no lugar, ou pelo menos um amarelo…

      • Arnaldo, eu não disse que não via nada de mais no 8515, mas que confiava, como continuo a confiar, que os Comandantes iriam neutralizá-lo, como o fizeram.

  11. O Foro de São Paulo, do qual faz parte o partido do prezado ministro Aldo Rebelo,amigo do comandante Villas Bôas, já não precisa acabar em sua opinião, senhor General Paulo Chagas? Confio em Deus! Triste,decepcionada,mas sempre confiarei em Deus!
    1 h ·
    Que bom! O comunismo não existe mais, o Foro de São Paulo não existe mais, agora são todos amiguinhos, unidos e irmanados para a grandeza do Brasil. Que meigo! Esses comandantes das Forças Armadas não são mesmo umas gracinhas? Olavo de Carvalho.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s