“Ei, Dona Mirian, vá rever os seus valores”!

Caros amigos

Já, por duas vezes, tive que fazer comentários sobre artigos da jornalista e comentarista de economia, Sra Mirian Leitão, face a seu posicionamento com relação aos militares brasileiros.

Talvez condicionado pela minha ignorância no assunto, confesso que aprecio as colocações da jornalista quando comenta a economia, particularmente, quando trata das desastrosas políticas dos governos petistas, coisa que, logicamente, não ocorre quando ela resolve investir contra os militares e a verdade histórica.

Nesta área, ela, coitada, condicionada pelo rancor arrogante dos que não sabem perder, chega ao cúmulo de se contradizer afirmando que acredita nas mentiras da governanta constitucionalmente afastada, quando ela afirma que foi torturada no período em que esteve presa por crime de terrorismo!

Só mesmo o lado vermelho de Mirian Leitão acredita em Dilma, uma pessoa que, por atavismo e ambição de poder, mentiu e mente para toda a Nação! Só mesmo ela que, a serviço do PC do B, sob o codinome de “Amélia”, aprendeu a “guardar os rostos” do inimigo, poderia prestar esse favor à Sra Rousseff.

Em um dos textos que escrevi anteriormente afirmei que Mirian Leitão tem todas as razões do mundo para não esquecer o que, supostamente, teria acontecido com ela própria enquanto esteve presa, assim como também não vejo razão para que ela tenha esquecido dos motivos que a levaram a receber um codinome para operar em benefício de uma organização terrorista!

Ela diz que não cultiva nenhum ódio e que sua vingança foi sobreviver e vencer. Será? Acho que não. Temo que minta. Seu último artigo – “Erros e atrasos” – nos revela os indícios do que temo!

Ela chama de erro a escolha do Gen Sérgio Etchegoyen para a função de ministro-chefe da Secretaria de Segurança Institucional. Chama de “virulenta” a comedida e sucinta nota de repúdio com que a família do General, muito justamente e com todo o direito, reagiu à inclusão do nome do seu pai à “lista” de torturadores elaborada facciosamente pela chamada Comissão Nacional da Verdade (CNV).

Mesmo fazendo elogios à democracia contra a qual atentou e condenando a discriminação em seus textos e pronunciamentos, Mirian Leitão, contraditoriamente, nega aos militares o direito de manifestação, mesmo quando o tema seja de caráter pessoal e familiar. Nega ao General e sua família os recursos da justiça, ao criticá-lo por mover ação contra as conclusões do trabalho injusto e ilegal da CNV!

Copiando Dilma Rousseff, Mirian Leitão falseia a verdade quando afirma que a iniciativa de criar a “comissão” foi do Estado brasileiro, quando todos sabem que se tratou de iniciativa ideológica da citada governanta e de seu partido no governo. Mais um gasto inútil e de caráter pessoal, posto na conta dos sugados contribuintes brasileiros!

Mirian tem razão quando afirma que a Nação precisa se encontrar com a sua História. A intensa procura pelo livro “A Verdade Sufocada” é uma prova de que este processo está em curso e que as gerações que se criaram ouvindo as versões propagadas e patrocinadas por ela e pelos demais terroristas, que com ela pactuaram na mentira, está em busca das causas do AI-5 e da repressão que garantiu a democracia e que frustrou a implantação da ditadura do proletariado em Terras de Santa Cruz!

A presença do Gen Etchegoyen no Governo Temer é o reconhecimento de que a competência e o patriotismo dos integrantes das instituições de máxima credibilidade entre os brasileiros não pode ser dispensada, negligenciada ou deixada ao largo por quem não pode permanecer “divorciado com os fatos” e que tem que “organizar a desordem” geral, sabendo que seu tempo é curto e que a Nação exige resultados sem retrocessos.

Finalizo repetindo o que, copiando a voz do povo, nas ruas e nos estádios, lhe disse em outra mensagem: “Ei, Dona Mirian, vá rever os seus valores”!

Gen Bda Paulo Chagas

Anúncios
Esse post foi publicado em Atualidades. Bookmark o link permanente.

9 respostas para “Ei, Dona Mirian, vá rever os seus valores”!

  1. Ana Maria disse:

    Todos eles adoram dizer que foram torturados, para receberem indenizações.

  2. Eneas disse:

    General, o PT está prestes a dar um novo golpe parlamentar, vão aprovar o plebiscito inconstitucional de novas eleicoes (PEC de um senador comuna) e cassar o michel temer, que até o momento tem seguido rigorosamente a constituiçao e animado a economia, apesar de pertencer a um partido mafioso. Se o exercito deixar isso acontecer, se deixar rasgarem nossa constituicao em nome da paz social, eu sentirei vergonha de nossas forças armadas.

  3. Antenor Gobbi disse:

    Em algumas oportunidades entendi que a abordagem da Mirian Leitão eram um tanto ambíguas. Cheguei a pensar que ela estava com o mal de Alzheimer, por se atropelar dentro do assunto que abordava. Mas não conhecia essa faceta de sua vida devotada ao terrorismo. De agora em diante prestarei mais atenção quando ela se manifestar.

  4. César disse:

    Parabéns General por sua postura neste artigo. A guerrilheira “Amélia”, é no mínimo uma recalcada histórica e a ela todo o meu desprezo. Foi vergonhoso para o país, mas principalmente para os militares, “aceitarem” a instalação dessa tal “comissão da falácia”. Isso demonstra o quanto nossas FA estão de joelhos perante ao sistema como um todo. Tomara Deus que isso comece a mudar com a saída da outra guerrilheira. Mais uma vez expresso minha admiração ao Sr.

  5. Ricardo de Campos Ferraz disse:

    Prezado General. Por intermédio de um amigo comum, tenho lido seus oportunos artigos. Recebi ainda, de um amigo, Cel. da reserva, Plauto F. Diniz um exemplar do “A Verdade Sufocada” do Cel. Brilhante Ustra, livro que li em sua íntegra e que me forneceu reforços a minha posição contrária ao terrorismo da Sra. Dilma Rousseff e camarilha petista. Espero que o senhor não esmoreça na fibra de um bom soldado da Pátria. Parabéns.

  6. Jorge Alberto Escosteguy disse:

    Prezado General:
    Todo o mérito à corporação que coloca no topo de sua hierarquia uma pessoa com o quilate de um Sérgio W. Etchegoyen.
    Ganha o governo e ganha o país em tê-lo como ministro.
    Quanto à Dna. Miriam Leitão, bueno, deixa pra lá…
    Um abraço.

  7. Paulo Roberto disse:

    Sempre que estou procurando algo com conteúdo (coisa cada vez mais rara) para assistir na TV e dou de cara com Míriam Leitão, Cristiana Lôbo, Marília Gabriela, Chico Buarque entre muitos outros personagens da mídia, nem perco meu precioso tempo, troco de canal. São todos ladrões, em minha opinião. Quando um profissional da comunicação mente em seu discurso, está roubando o direito de saber a verdade, quem rouba é ladrão. Até gostaria de saber se a “Amélia” recebeu indenização e é beneficiada pelo “Bolsa Tortura”.

  8. luiz antonio de castro chagas disse:

    PARABÉNS GENERAL. MILITARES COMO O SENHOR SÃO NOSSA ÚLTIMA ESPERANÇA. SALVE O GLORIOSO EXERCITO DO BRASIL.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s