As Forças Armadas são disciplinadas, mas não estão mortas!

Caros amigos

Desde o início da “crise militar” – criada pela traiçoeira incompetência do PT e pelos não menos incompetentes, atabalhoados e traiçoeiros dirigentes do seu pretenso braço armado, o chamado “exército do stalinde” – que  estou “virado no back”(*) dos Comandantes das FFAA, em particular do Gen Eduardo Villas Bôas e de seu Chefe de Estado Maior, Gen Sérgio Etchegoyen, confiante no contra ataque e na marcação do gol da vitória.

Sem desdenhar da gravidade da investida, mas com a tranquilidade de um soldado que conhece a sua Força e de um subordinado que acredita no seu Comandante, manifestei, desde a primeira hora da investida adversária, a minha confiança na competência e no senso de responsabilidade de quem, por formação profissional e moral, sempre foi melhor do que  os citados conspiradores.

Há muito aprendi que o mínimo de competência a ser exigido de um chefe-líder é a competência para usar a competência dos seus parceiros e subordinados, é o “saber quem sabe”, é ter humildade para ouvir, coragem para decidir e determinação para  executar!

As FFAA saem fortalecidas deste evento pois deixaram muito claro ao inimigo que não estão alheias às suas manobras, por mais dissimuladas e sutis que possam parecer e que não permitirão qualquer interferência política ou ideológica nas clausulas pétreas que têm alicerçado a formação de seus quadros, o seu processo evolutivo e o seu histórico compromisso com a democracia.

Minha confiança nos Comandantes, hoje redobrada, foi criticada por muitos, alguns por justificado desconhecimento, outros por me julgarem desinformado e até conivente com o inimigo, outros por temer pela ingenuidade e pela aparente apatia dos militares face à falta de caráter daqueles com os quais têm que conviver por força de preceito constitucional, outros, ainda, criticaram-me por serem vítimas da vaidade e da arrogância que os faz julgarem-se os donos absolutos da verdade e os únicos capazes de defender o bem.

O artigo, publicado no jornal Zero Hora de hoje, 14 de setembro, de autoria do Jurista e Ex Ministro da Defesa,  Nelson Jobim, reporta com segurança e profissionalismo o trabalho realizado pelas Forças para neutralizar a ousadia dos canalhas e que contou com seu pronto e competente assessoramento (é preciso “saber quem sabe”).

http://wp.clicrbs.com.br/opiniaozh/2015/09/14/artigo-decreto-sobre-militares/?topo=13,1,1,,,13

Continua a valer, portanto, a afirmação de que a sociedade pode confiar no bom senso e nas atitudes dos homens a quem confia o último recurso da razão e o PT e seu “exército”, por sua vez, continuam a saber que as Forças Armadas são disciplinadas, mas não estão mortas.

Gen Bda Paulo Chagas (**)

(*) Estar “virado no back” é uma expressão de confiança usada no pólo, quando um jogador toma a nova direção da bola, antes mesmo que seu companheiro realize a tacada.

(**) Para esclarecimento de quem pensa que sabe tudo, meu posto, constante da correspondente Carta Patente, é o de General de Brigada, nela não constando a expressão, “da reserva” ou a partícula “R1”, o que me faculta usá-las se e quando me convier.

Anúncios
Esse post foi publicado em Atualidades. Bookmark o link permanente.

26 respostas para As Forças Armadas são disciplinadas, mas não estão mortas!

  1. Gisa Tavares disse:

    Boa noite General.

    Sempre venho aqui neste espaço, tirar dúvidas, acalmar o espírito, aproveitar de suas, sempre sábias e ponderadas palavras. Tenho encontrado aqui, resposta para aflições na segurança que o sr transmite em seus textos.
    Gostaria de saber sobre esse texto, o que ele representa?
    Ele é verdadeiro ou mais uma tentativa de desmoralizar as Forças Armadas?
    http://www.sociedademilitar.com.br/wp/2015/09/comandante-da-aeronautica-agradece-a-eva-chiavon-pela-atuacao-no-ministerio-da-defesa-e-informa-que-decreto-8-515-foi-atualizacao.html

    • Prezada Gizele, não vejo razão para não ser verdade. Já ouvi vários comentários positivos a respeito do trabalho da Sra Eva na gestão dos interesses das Forças, o que não ameniza a responsabilidade dela sobre a tentativa de super apoderar o seu chefe de acordo com os interesses do Foro de São Paulo. É preciso apenas cautela e atenção às filigranas do trabalho dessa gente.

  2. Lygia Maria disse:

    Parabéns General!! Continuo confiando e com todo respeito, admirando-o pela sua fala que nos tranquiliza e acalenta nesta angústia em que não só eu, mas também a maioria do povo brasileiro vendo esses comunistas se achando que têm o direito de nos assaltar a cada rombo realizado por eles.
    Morro pela minha Pátria!! Sou mulher, mas lutarei se preciso for para defender o meu País!
    Meu pai teve muios amigos Militares e aprendi a ser patriota desde criança.
    Um Abraço General e muito obrigada!

  3. Nelson Duarte disse:

    General!! Boa noite!
    O que podemos entender com essa aproximação comprometedora do decreto 8482 , relativo a cooperação entre as forças militares brasileiras e russas ?
    http://www.sociedademilitar.com.br/wp/2015/09/decreto-8-482-preve-cooperacao-militar-com-a-russia.html

    • Caro Nelson, o Brasil e seu Exército são livres para buscar tecnologia onde quer que ela esteja. Se você teme que os militares brasileiros adquiram também alguma ideologia russa, fique tranquilo, não há esta possibilidade.

  4. Lygia Maria disse:

    Não tenho a menor dúvida disso General!! Obrigada mais uma vez.

  5. Cidadão Kane RJ disse:

    Prezado General Paulo Chagas,
    É com a admiração e o respeito de sempre que lhe dirijo estas palavras,
    Aqui no RJ todos nós patriotas estamos com o senhor.
    Resistência-RJ,O Pesadelo de Qualquer Político,Acorde-RJ,SOS FFAA e etc…
    Servi em 1994, e mesmo naquela época 30 anos após a contra-revolução, no dia 31 de março
    Houve discursos de oficial da AMAN, explicando a verdade para a tropa sobre 64, e também sobre o traidor LAMARCA, que era o assunto da época .Por ter conhecido por dentro uma pequena parte do EB, não tenho como não concordar com a visão de vossa excelência sobre o Exército Brasileiro e seus Comandantes Militares.
    Muito se fala em Morrer Lutando!, Porém acredito que o mais desafiador no momento seja VIVER LUTANDO, dentro da legalidade para livrar o nosso país dessa escória.
    A VERDADE ESTÁ SOLTA NO AR DIANTE DE TODOS E POUCOS CONSEGUEM ENXERGAR,
    SE NOSSAS FORÇAS ARMADAS ESTIVESSEM DESVIADAS, JÁ ESTARÍAMOS HÁ MUITO TEMPO PRESOS OU MORTOS.

    Que Deus o abençoe e a sua família ,e lhe dê sempre saúde!
    O Brasil precisa de Verdade ,equilíbrio e sensatez.

    Um forte abraço !

  6. Boa Noite Excelentíssimo General,
    É com emoção patriótica que me permito, democraticamente, postar esta mensagem ao Sr. Tenho 59 anos e sou reservista. Fui soldado do Tiro de Guerra em minha cidade (São Bernardo do Campo). Assim como eu, vários amigos de minha faixa etária, comentam a disposição de darem suas vidas pelo Brasil e pelo Exército Brasileiro, no qual depositamos, assim como milhões de brasileiros, a nossa confiança e amparo pela família brasileira. Conte conosco General. O Exército é a nossa Pátria. Muito obrigado.

  7. Antonio Carlos de Andrade Leite disse:

    Caro General,
    Em meu ultimo comentário questionei a tranquilidade com que o senhor estava tratando o tal decreto do governo federal, sua resposta foi que estava tranquilo porque confiava nos comandantes das FFAA do Brasil, poucas horas depois li sobre a reunião dos comandantes e o total desespero do governo. Aproveito para agradecer suas informações sempre seguras e sensatas, nos dão segurança e a garantia de que as forças armadas estão atentas, cresci ouvindo a frase “O Brasil espera que cada um cumpra o seu dever.”, façamos a nossa parte, porque se for necessário, não estaremos sozinhos.
    Obrigado.

  8. Jonas disse:

    Prezado General,
    O que se pode dizer sobre o decreto 8504 de agosto de 2015?
    O conteúdo é secreto, motivo pelo qual fiquei apreensivo, devo me preocupar?

  9. Prezado General. Excelente a última entrevista do General Villas Boas! O que está por trás dos pedidos de intervenção são os valores que a força encarna! O importante agora, mais do que haver uma intervenção, é manter o país coeso, unido! Todos devem saber que muitos são os perigos que rondam nossa pátria, tanto dos inimigos da esquerda, quanto dos amigos da direita. Nossa Amazônia há muito tem sido objeto de cobiça internacional, e nos apoiarmos uns nos outros, colocando o Brasil acima de questões ideológicas me parece o certo a se fazer no momento. Não me parece o momento certo para nova intervenção, como bem tenho visto suas colocações conscientes a respeito do tema. Respeito muito os valores do E.B., inclusive já fui intervencionista, mas diante das reações da sociedade, que tem se mobilizado para encontrar caminhos que a permitam trilhar sozinha, sem tutelagem, baseada nas suas instituições, passei a acreditar que isso pode ser possível. Mas me delicio com o pensamento de militares da reserva, como é o caso dos textos escritos no seu blog, onde vejo que os velhos valores da força ainda se fazem presentes. A conservação de nosso território deve se sobrepor aos interesses ideológicos. Vamos todos lutar para conservar o que já temos, que o perigo sobre a manutenção da Amazônia, esse sim, é real. Obrigado pelas suas postagens e é bom saber que se precisar, a sociedade poderá contar com o apoio dos guardiões da nossa moral! Grande abraço!
    P.S. aliás, gostaria se possível, de saber sua opinião a respeito das ameaças à nossa Amazônia!

  10. JB.Santos disse:

    Prezado General Paulo Chagas, realmente, conforme as últimas notícias dos jornais que o senhor com certeza também deve ter lido, eu acho que a única solução para livrar o Brasil do comunismo é a Intervenção Militar, já passou da hora!
    Essa situação não tem jeito, todos os poderes da República estão contaminados, corrompidos, os três poderes(Executivo, Legislativo e Judiciário) estão completamente aparelhados, “desse mato não sai coelho”, inclusive saiu esses dias nos jornais que Michel Temer(vice da Dilmônia), fez um pacto militar com a Rússia, com aprovação do Congresso Nacional(não sei se é verdade), o Eduardo Cunha volta atrás do Impeachment de Dilma e passa a apoiar ela novamente! Que palhaçada,! Esses FDPs pensam que os Brasileiros são palhaços(será que não são mesmo?)! Então, nessa altura do campeonato, já passou da hora da Intervenção Militar, não importa que esses comunistas FDPs, chamem os Militares de golpistas, essa pecha não deve ter a mínima importância para aqueles que vão salvar a pátria amada desses comunistas FDPs!
    Então, a hora é agora, Intervenção Militar, urgente! Com prisão de todos os traidores da pátria! Sem mais, agradeço a sua opinião sobre o assunto, mas como o senhor é um homem sábio, também, com certeza, já deve ter percebido tudo isso, um abraço!

    • Caro JB, acho que você está muito pessimista. Estive ontem em reunião com o Senador Caiado e renovei meu otimismo e minha confiança no povo desta terra. É importante que tenhamos na cabeça que esta é uma operação de longa duração. Não há atalhos nem abreviações duráveis. É preciso fasear a operação e ter foco (princípio de guerra do “objetivo”). Uma coisa de cada vez, mantendo a sociedade unida em torno de objetivos comuns. O objetivo da vez é tirar, se possível em definitivo, pela via democrática e legal, a Dilma e o PT do poder.

  11. JB. Santos disse:

    Prezado General Paulo Chagas, estou lhe enviando este link do YouTube, que é de uma entrevista do Comandante do Exército Brasileiro, General Villas Boas, esta entrevista é recente de 14 de Setembro de 2015, publicada no YouTube em 15 de Setembro de 2015, não sei se o senhor já viu, mas na dúvida resolvi lhe mandar, caso o senhor já tenha visto, me desculpe, mas pode servir para informar outros que não tenham visto,desde já agradeço as suas explicações, o link segue abaixo:
    O Comandante responde:
    (General Villas Boas, Comandante do Exército Brasileiro)

    Publicado em 15 de set de 2015
    Em 14 de set de 2015
    Direto do Centro de Comunicação Social do Exército, o Comandante responde a perguntas que abordam, alguns dos seguintes temas:
    – o posicionamento do Exército diante dos pedidos de intervenção;
    – a possibilidade de saída das tropas brasileiras do Haiti; e
    – a publicação do Decreto nº 8515, de 3 de setembro de 2015, que delega competência ao Ministro de Estado da Defesa para a edição de atos relativos a pessoal militar.

    Fonte: Exército Brasileiro

    Categoria Sem fins lucrativos/ativismo
    Licença Licença padrão do YouTube

  12. Jonas disse:

    Prezado General,
    O que se pode dizer sobre o decreto 8504?

  13. Nelson Duarte disse:

    General, a cada enxadada … uma minhoca !!! Levantou-se a suspeita de uma assinatura falsa do Comandante da Marinha, feita pelo Ministro da Defesa !!!! General!!! Até quando as FFAA vão aguentar isso ??? Será que não são visíveis, as tentativas de desmoralizá-las??? Tudo bem que não estejam, mas … aguentar isso… é muita submissão !!! Por isso… há que se ter critérios duros para certas escolhas e , caso as FFAA não vejam com bons olhos… acho que deveriam ser duras na rejeição de certas indicações. Isso, evitaria as perdas de tempo com trabalhos de descontaminação inimiga!!! O Brasil esta precisando deixar de perder tempo com desmontagem de bombas e, ganhar tempo com lançamento de pontes sólidas para o futuro!!!

  14. LUIZ OTAVIANO disse:

    Acho muita ingenuidade achar que vamos conseguir acabar com o PT pelos métodos democráticos. Essa praga é igual tiririca (não o deputado, a planta): vc arranca pela raiz, mas qdo percebe, nasceu de novo. Escreve o que eu digo: o PT vai sobreviver a isso e vai ganhar as eleições de 2018. A solução nós sabemos qual é, mas infelizmente não temos mais um Castelo Branco ou um Médici…

  15. ANDRADE disse:

    PREZADO GENERAL, PARABENS. CONFIO NAS FORÇAS ARMADAS BRASILEIRA, ELAS NÃO ACEITA O COMUNISMO PTEISTA.

  16. ANDRADE disse:

    AS FORÇAS ARMADAS DO BRASIL, MERECEM CONFIANÇA E RESPEITO, A INTERVENÇÃO DE 64, FOI UM ATO DE PATRIOTISMO DO EB

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s